terça-feira, 3 de abril de 2007

ISAIAS 40,27-31



27. Por que dizer-te então, ó Jacó, por que repetir, ó Israel: Escapa meu destino ao Senhor, passa meu direito despercebido a meu Deus?
28. Não o sabes? Não o aprendeste? O Senhor é um Deus eterno. Ele cria os confins da terra, sem jamais fatigar-se nem aborrecer-se; ninguém pode sondar sua sabedoria.
29. Dá forças ao homem acabrunhado, redobra o vigor do fraco.
30. Até os adolescentes podem esgotar-se, e jovens robustos podem cambalear,
31. Mas aqueles que contam com o Senhor renovam suas forças; ele dá-lhes asas de águia. Correm sem se cansar, vão para frente sem se fatigar.

Isaias vem nos fazer um questionamento no dia de hoje: “Porque não confiamos em Deus?”.
Pergunto-me, porque confio em meus amigos, na minha família, namorado, livros, internet, enciclopédia, mas para confiar em Deus somos tardios. Talvez porque não vemos Deus. Porém está resposta é estranha porque também não vemos os átomos, nem as células e acreditamos na existência deles, ou pelo menos não duvidamos do professor quando o mesmo ensina química ou biologia. Acreditamos no que dizem os jornalistas, nos fantasmas da infância, em simpatias e magias, temos medo até de pegar em despachos, porque acreditamos que pode trazer maldições em nossas vidas, acreditamos em tudo facilmente, porém quando o assunto é Deus, duvidamos.
Muitas vezes no sofrimento e nas dificuldades Ele é a primeira pessoa a ser questionada e responsabilizada pelo nosso sofrimento, e quando estamos alegre atribuímos isso a nossa “boas sorte’, ou a quem nos proporcionou tal alegria”.
Então Isaias vem dizer: “Não o sabes? Não o aprendeste? O Senhor é um Deus eterno. Ele cria os confins da terra, sem jamais fatigar-se nem aborrecer-se”.
Deus não se cança de nós, você ainda não aprendeu isso? Se a obra ainda não aconteceu, é porque este não é o melhor momento, só Ele sabe o tempo perfeito para todas as coisas. “Ninguém pode sondar sua sabedoria”.
Hoje Ele te dá forças e vigor, porque apesar de toda dor, Ele não te abandona, Ele te renova a cada batalha.
Até quem é jovem, é firme, um dia pode fraquejar. Fraquejar é humano, fatigar, também, porém é quando estamos fracos é somos fortes, porque é justamente aí que deus realiza sua obra.
Não se envergonhe do cansaço, se você se sente sozinho e desamparado, confie em Deus, ele age para o seu próprio bem, conte com ele porque “aqueles que contam com o Senhor renovam suas forças...”.